segunda-feira, 21 de abril de 2008

Sobre as dores menores que a falta.


E sentada na sua poltrona surrada ela observou sem se mover: A dor sem tamanho amolando sua faca para cortar-lhe as pálpebras e queimar-lhe lentamente os olhos com o cigarro da verdade!

4 comentários:

Guhn disse...

Warning! See Please Here

Servidores disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Servidor, I hope you enjoy. The address is http://servidor-brasil.blogspot.com. A hug.

Lúcia disse...

Não fala de olhos, arrepio de nervoso...
Imagine alguém que não consegue nem cogitar a idéia de usar lentes de contato tentando materializar isso que você escreveu... ai!

Lúcia disse...

Hahaha, te cuida então, porque acendo relativamente fácil...!